Projeto em Alto Araguaia oferece apoio à mulher trabalhadora com incentivo ao aleitamento materno

Réulliner Rodrigues | Assecom AIA

Uma nova ação realizada em Alto Araguaia (415 km de Cuiabá) incentiva mães que irão retornar ao mercado de trabalho a manter a alimentação do bebê com o leite materno. Inédito no município, o projeto “Apoio à Mulher Trabalhadora que Amamenta” desenvolvido pelas Secretarias de Assistência Social e Saúde, recebe apoio da Justiça do Trabalho e Ministério Público do Trabalho com a doação de 70 bombinhas elétricas extratoras do leite materno e impressão de cartilhas sobre o tema.

A primeira dama e secretária de Assistência Social, Priscila Dourado, explica que a ação objetiva reduzir a utilização do leite em fórmula para crianças de 0 a 2 anos e garantir uma alimentação saudável. “Esta parceria é um avanço de políticas públicas que protege o direito da criança em receber o leite materno, oportunizando uma geração saudável e livre de doenças. É um trabalho sério, com atenção humanizada desde a gravidez ao pós-parto. Oferecemos oficinas, orientações, apoio, incentivo, entrega de kit maternidade, fraldas, entre outras ações”, elenca.

O repasse de R$ 20 mil foi autorizado pela juíza da Vara do Trabalho de Alto Araguaia, Michele Saliba. A magistrada pontua que a ação é importante para que os bebês estejam se alimentando de forma saudável. “Embora o contato físico seja importante no ato de amamentar, quando não possível, o leite materno garante saúde, imunidade da criança, redução da ocupação de leitos pediátricos e abstenção das mães em seus postos de trabalho”.

Coordenado pela Comissão de Apoio ao Aleitamento Materno (CAAM) com apoio do Programa Cegonha Araguaiense, o material será disponibilizado nas Unidades Básicas de Saúde (UBS). As mães que necessitam terão acesso mediante empréstimo, por meio de termo de compromisso e responsabilidade.

Segundo a secretária da CAAM, Celma Gonçalves, as lactantes receberão orientações sobre como utilizar as bombinhas. “Um trabalho que envolve a mãe e a pessoa que auxilia no cuidado da criança. São diversos cuidados, desde a higienização, extração e armazenagem. É um apoio na UBS e em visita domiciliar a cada mãe”.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
%d blogueiros gostam disto: