Deputado Claudinei solicita esclarecimentos sobre casos de assédio moral na rede estadual de ensino de MT

Samantha dos Anjos – Assessoria de Imprensa
Com o assédio moral sofrido pela professora Moralina Luciana de Amorim, 51 anos, pela direção da Escola Estadual Odorico Leocádio Rosa, em Rondonópolis, o deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) apresentou requerimento de n.° 402/2021, no dia 10 de agosto, em sessão plenária na Assembleia Legislativa, para obter esclarecimentos por parte da Secretaria de Educação de Mato Grosso (Seduc) sobre a situação.
Outro aspecto levantado pelo parlamentar é que a educadora assediada tentou cometer suicídio contra a própria vida por causa das humilhações sofridas na instituição. Ele acrescentou que outra professora, Eliana Alves Da Gama, enfrentou retaliação na escola devido ter defendido Moralina e denunciado o crime contra a colega e, assim, foi proibida de entrar no local de trabalho. Diante disso, ela ingressou uma ação judicial de reintegração de posse ao cargo público.
“Esse é um caso triste e vergonhoso para a educação e amplamente divulgado na imprensa local. Um caso de assédio moral, onde uma professora foi proibida de entrar na escola depois de defender uma colega que tentou suicídio. Com esse requerimento encaminhado à Seduc, espero que tenha uma apuração séria, imparcial e correta. A gente questiona o secretário, pois precisa ser esclarecido para a população de Rondonópolis. A professora que fez a denúncia foi impedida de participar de uma reunião e chegou a chamar a polícia militar para intervir, o que gerou um conflito interno nessa escola, a guarnição evitou uma confusão maior e até agressões mútuas”, declara Claudinei.
Requerimento – O documento emitido pelo parlamentar, apresenta questionamentos à Seduc sobre o andamento das apurações sobre o caso, em trâmite no Escritório Regional de Educação, se existem outras ocorrências registradas, de mesma natureza, em que são relatados crimes de assédios morais nas unidades geridas pela gestão estadual, quais as providências aplicadas pelo governo de Mato Grosso para prevenir e evitar esses tipos de situações.
Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
%d blogueiros gostam disto: